Expô de Sérgio Sabo

O Grupo Energisa, a Prefeitura Municipal de Muriaé e a FUNDARTE, convidam para a abertura da exposição “Tempos Estéreis – Verdades Vazias”, com obras do artista plástico muriaeense, Sérgio Sabo, que acontece amanhã, dia 16, às 19h30min, na Galeria Mônica Botelho, do Centro Cultural Pio Canêdo  Grande Hotel Muriahé. Sérgio, que atualmente reside em Juiz de Fora é um artista multifacetado e nos apresenta seus trabalhos na pintura, fotografia, esculturas e audiovisual. 

Patrimônio Cultural e Cidadania e Projeto Moradores

Nos dias 17 e 18 próximos, a Prefeitura Municipal de Muriaé e a FUNDARTE, por meio do Departanento de Memória e Patrimônio Cultural convidam para as solenidades que acontecerão no I Fórum Regional do Patrimônio Cultural.  No dia 17, às 19h, serão entregues no Teatro Municipal Belmira Villas Boas os Prêmios de Incentivo ao Patrimônio Cultural. Entre os agraciados estão, na Categoria 1 – Bens Tombados, Capela do Hospital São Paulo; Categoria 2 – Bens Inventariados, Sede da Agencia Central dos Correios e Telégrafos; Categoria 3 – Bens Imateriais, Folia de Reis Anjo Gabriel; Categoria 4 – Bens de Responsabilidade Social, Serviço Social do Comércio / SESC-Muriaé; Categoria 5 – Ações Educativas do Memorial da Fundação Cristiano Varella. Em seguida a premiação será proferida uma palrstra temática. No dia 18, às 8h, no Teatro Zaccaria Marques vai ser formada uma Mesa Redonda para apresentações de trabalhos cientificos e também outra palestra temática. 

Através de um convite da FUNDARTE,  entre os dias 15 a 18 de agosto, nossa cidade estará recebendo a visita do Projeto MoradoresA Humanidade do Patrimônio, uma criação da NITRO Histórias Visuais, de Belo Horizonre,  que é um movinento de ocupação urbana pela valorização da identidade cultural e da memória dos moradores, como sendo o maior patrimonio que uma cidade pode ter. O criador do projeto, o escritor Gustavo Nolasco, juntamente com os fotógrafos, Marcus Desimoni, Bruno Magalhães e o cineasta Alexandre Baxter, irão montar uma tenda branca, no Mercado do Produtor Rural de Muriaé, onde registrarão por meio de entrevistas as histórias do moradores que frequentam a nossa feira livre, transformanfo o material produzido em um filme curta metragem e num varal fotográfico. O filme será exibido na sexta feira dia 17, na solenidade que acontecerá no Belmira e no sábado dia 18, eles voltam a feira para entregarem as fotografias do pessoal entrevistado. O Projeto Moradores, que tem o patrocínio da Oi com apoio da Oi Futuro, já passou por, cinco estados, dezessete cidades e registrou as história de aproximadamente três mil pessoas. Foi reconhecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), como uma ação de sucesso em Educação Patrimonial. 

Felipe Rameh da Cozinha á Literatura

Em primeira mão noticiamos que o renomado, mineirissímo e muriaeense chef Felipe Rameh, lança seu livro “Inventário ParticularUma coleção de histórias, sabores e amores”, no estande da Livraria da Rua, da CasaCor 2018, onde ele esta presente na Cozinha Funcional, realizando aulas/jantares. A obra é resultado de um longo processo de formação e de uma ideologia muito clara do profissional, que explica: “pra tudo o que nós comemos existe alguém que prepara a terra, que semeia, rega, cuida, colhe, transporta, recebe, confere, armazena, limpa, finaliza e serve. A comida é feita por gente e isso é  mais bonito”. 

Serão dois lancamentos oficiais, o primeiro no Festival de Gastronomia, em Tiradentes e o segundo no Green Up, em BH, no dia 20 de setembro, com direito a uma exposição dos trabalhos do fotógrafo Marcos Leão, que assina as fotografias do livro, juntamente com Sérgio Coimbra. Seguem outros lançamentos pelo Brasil e até no exterior, em Lisboa. Este Inventário Particular, então, é uma forma de celebrar uma gastronomia que é, ao mesmo tempo, regional e global. A esperada noite de autógrafos e lançamento em Muriaé, será no dia 22 de setembro, no sitio de seus pais. Depois virá São Paulo, onde merece destaque sua passagem pelo D.O.M, ao lado de Alex Atala – que assina um dos prefácio do livro, um outro será assinado por seu pai Raimundo de Paula, pois esses dois homens são de grande importância para o estudo e carreira do jovem chef. Mas a grande homenageada é sua mãe, Alice Rameh de Paula, para quem Felipe dedica sua obra.

Ele ressalta que, em suas experiências, aprendeu um pouco sobre o tempo de cada ingrediente, sobre a importância de se respeitar a natureza e, principalmente, sobre como os pequenos produtores são essenciais para os bons resultados. 

Por isso, o livro que apresenta a história de Onivaldo, Ilma, João e Afonso, Mauro e Dorinha, Christy, Camilo e Luciana, Roninho e Miguel, terá oito capas diferentes, cada um com a foto desses personagens que têm um jeito único de se relacionar com a terra e com seu ofício. São doces, cafés, queijos, verduras, pães e um mundo inteiro de histórias, particularidades e encantos.

 A partir de cada produto, Felipe Rameh desenvolve receitas que trazem a marca inconfundível do chef: sabores apaixonantes em combinações surpreendentes. O projeto conta com design gráfico do Estúdio Bogotá, textos de Marcela Dantés e é um convite para horas de leituras e fruição.

Mesa Redonda 

A atual crise na economia e na politica do Brasil, foi a base do tema da palestra/debate promovida ontem, dia 10, pela AMLE e FASM, no anfiteatro da Faculdade Santa Marcelina.

 Dois conhecedores analiticos politicos, o professor e advogado Mário Monteiro de Castro Neto, mais o filósofo e professor de Ciências Politicas, Mauricio Reis, foram convidados para discorrerem sobre o assunto e explicarem os fatos, que fizeram nosso pais chegar ao caos atual. Durante duas horas eles falaram para uma platéia composta por, alunos, professores, políticos, acadêmicos e outros vários segmentos de nossa sociedade. 

Ao final os presentes procuraram esclarecerem suas dúvidas, através das perguntas, ora respondidas por Mário Neto, ora por Maurício Reis. No nomento, ás vésperas das eleições, deve-se dizer que o evento foi um sucesso e veio em boa hora. Fonte e fotos. Elias Muratori

Finde Cultural Com A Cia. Truks

A conhecida e premiada Cia. Truks, de São Paulo, estará em Muriaé, nos dias 10, 11 e 12, apresentando  hoje e amanhã, as 20h, no Teatro Municipal Belmira Villa Boas,  com entrada franca, a peça infantil “Sonhatório”. 

No sábado também, das 9h à 17h, eles darão uma oficina sobre o teatro de objetos, com 30 vagas para os interessados em artes cênicas. 

Já no domingo, das 9h às 13h eles se reúnem com os agentes culturais de nossa cidade, para um bate papo e troca de experiências. A Cia. Truks, foi criada em 1990, e desde então apresenta seus espetáculos de repertório em teatros, escolas, instituições ou espaços alternativos de todo o Brasil. Não somente, participa de mostras e festivais de teatro e teatro de animação em países do exterior, e em eventos e congressos vinculados à educação e à cultura. Paralelamente, ministra cursos e oficinas sobre o teatro para crianças, técnicas de animação de bonecos, objetos e figuras, além de cursos sobre procedimentos dramatúrgicos. O grupo é referência nacional na arte do teatro de animação, bem como um dos principais expoentes do teatro para crianças no Brasil. Recebeu os principais prêmios do segmento: o Mambembe, do Ministério da Cultura, o APCA, da Associação Paulista de Críticos de Arte, o Coca Cola de Teatro Jovem, o Teatro Cidadão, da Prefeitura de São Paulo, e o Prêmio Estímulo da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, entre outros. Coordenou o Centro de Estudo e Práticas do Teatro de Animação de São Paulo, espaço de referências desta linguagem artística, em projeto da prefeitura do município, entre 2002 e 2012.

Visitas da Cegonha!

Os jovens Paula e Bruno Cruz Bordoni, receberam a visita cegonha, que veio fazer a entrega do primeiro filho do casal. Gabriel Lorenzone Bordoni, nasceu no Hospital São Paulo, no dia 26 de julho, aos cuidados da genicologista Carla Andréa, auxiliada pelo anestesista Caio Sygilião e pela pediatra Lorena. Os nossos conhecidos vovós, marinheiros de primeira viagem, Rosângela e Sérgio Bordoni estão babando com o netinho, que também já recebeu a visita dos avós maternos, Cinira e Leôncio Lorenzano, que residem em Vitória

No dia 30 de julho foi a vez de Adrienne e Sinval Ferreira, receber a cegonha, que desta vez trouxe uma menina, fazendo um casal, pois eles já têm um filho. A pequena Liz Chaia Silva Toko, nasceu também no Hospital Sao Paulo, aos cuidados do genicologista Cláudio Lacerda, auxiliado pelo anestesista Almir Toko e pela pediatra Fernanda. As queridas vovós, Marilene Chaia e Petinha Ferreira, estão se revezando  para poderem curtir o máximo a nova netinha. 

A coluna cumprimenta aos papais e vovôs, dando boas vindas ao Gabriel e a Liz!!