Audiência Sobre Mineração em Muriaé e Região

Com número elevado de participantes, a Câmara de Muriaé realizou na noite de terça-feira (29) uma Audiência Pública para tratar da mineração em Muriaé e região. A mesa foi composta pelos vereadores Jair Abreu, presidente da Comissão de Meio Ambiente da Câmara e Reginaldo Roriz, ele que requereu a Audiência, mais Celsinho (DEM), que é membro da Comissão do Meio Ambiente e, como vice-presidente da Câmara, representava o presidente Carlos Delfim; e Drª Miriam (PSDB), que também integra esta Comissão. Estavam presente ainda  o vice-prefeito Marcos Guarino, representando o Executivo Municipal e Lucas Dutra, chefe de gestão de Meio Ambiente da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, representando o secretário.

O debate atraiu representantes de organizações não governamentais, clubes de serviços, associações de bairros, representantes de deputados estaduais, conselheiros municipais e estudantes, entre muitos outros das cidades de Muriaé, Miradouro, Rosário da Limeira, Miraí, Viçosa e Belo Horizonte,   autoridades, representantes de organizações não governamentais, ambientalistas e líderes religiosos, que lotaram o plenário por mais de três horas.  Durante a Audiência ficou claro o posicionamento de todos que se pronunciaram de forma contrária a instalação de novas áreas de mineração na região. Nas palestras proferidas pelo Professor Lucas Magno, diretor de extensão do IF-Sudeste e pelo Frei Gilberto Teixeira, da Congregação de Belisário, foram apresentadas considerações técnicas significativas para o posicionamento contrário a esta prática na Serra do Brigadeiro, com dados e estudos muito precisos, além do modo como as comunidades estão se organizando para contrapor esta prática na região.  Eles junto com o Cabo Douglas Oberdan, ocuparam lugar de honra em nome da Polícia Militar do Meio Ambiente de Muriaé. As intervenções trouxeram depoimentos de várias pessoas distintas a cerca de seus contatos ou experiências com empresas mineradoras e suas atividades. 

Compuseram a tribuna de honra os vereadores David Lacerda, Helena Carvalho, Dr. José Carlos e Prof. Júlio Simbra; de Muriaé, os vereadores Davi Meireles e Maria Luiza Andrade Valentim, de Miradouro; o vereador Davi, de Rosário da Limeira; José Luiz Barbalho de Mendonça, coordenador do Centro de Pesquisa IracambiBenilda Brito, técnica social do Programa de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos do Governo do Estado de Minas Gerais; Gustavo Soares Ioreio, professor do Departamento de Geografia da Universidade Federal de Viçosa; Antônio Carlos Bagle, diretor financeiro da União Nacional das Cooperativas de Agricultura Familiar e de Economia Solidária – Unicafes; e os ex-vereadores Antônio Balbino e José Raul. Já nos assentos reservados estavam os convidados a intervenções durante a Audiência: Robim Le Breton, da Iracambi; Eduardo Antonio de Alcantara, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Muriaé, Barão de Monte Alto, Rosário da Limeira e São Sebastião do Vargem Alegre; Reinaldo Barberine, da Comissão Pastoral da Terra – CPT; Gilsilene Maria Mendes, da Cáritas Diocesana; Paulino Soares de Oliveira, que foi atingido pela inundação causada pelo rompimento da barragem de rejeitos de uma mineradora de Mirai; Igor Oliveira Silva, do Movimento Estudantil, Luiz Paulo Guimarães Siqueira, do Movimento Pela Soberania Popular na Mineração – MAM; Adriana Aparecida de Morais Ribeiro, da Cooperativa dos Produtores da Agricultura Familiar em Muriaé (COOPAF) e Wesley de Souza Rodrigues, do SindUte. Fonte e Fotos: Assessoria de imprensa da  Câmera Municipal – Video: Gazeta de Muriaé

Vereador Reginaldo Roriz em audiência Pública da Mineração em …

Vereador Reginaldo Roriz na Audiência Pública sobre Mineração na Serra do Brigadeiro

Publicado por Gazeta de Muriaé em Terça-feira, 26 de setembro de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *